Tratamentos

ORTODONTIA

Ortodontia é a especialidade da odontologia que corrige o posicionamento dentário. Dentes mal posicionados, além de serem de difícil higienização, podem causar um estresse aos músculos de mastigação, o que, por sua vez, pode levar a dores de cabeça, síndrome da ATM, dores na região do pescoço, ombros e costas. Os dentes mal posicionados também prejudicam a aparência. Não há idade que restrinja a colocação de aparelho ortodôntico, os adultos também podem melhorar a estética assim como a eficiência mastigatória. O tratamento ortodôntico, além de melhorar a estética do sorriso, torna a boca mais saudável!

No Instituto Baroni&Vosiacki, trabalhamos com aparelhos removíveis e fixos. Os removíveis são, em sua maioria, mais indicados para crianças. Dentre os aparelhos fixos, utilizamos bráquetes convencionais (com borrachinhas) metálicos e estéticos. Estes últimos são praticamente invisíveis e indicados para quem busca mais estética e discrição durante o tratamento.

Além destes, trabalhamos também com os bráquetes autoligados (sem borrachinhas) metálicos e estéticos.

Estes aparelhos possuem uma avançada tecnologia: são mais higiênicos que os convencionais, por não apresentarem borrachinhas; são mais indolores (exigem uma menor aplicação de força); reduzem o número de visitas ao consultório e reduzem o tempo de tratamento se compararmos com o aparelho convencional.

Também trabalhamos com os alinhadores invisíveis Esthetic Aligner, que são placas transparentes removíveis que movimentam gradualmente os dentes e são trocadas duas vezes ao mês. No início do tratamento e a cada 4 meses, são feitos moldes da boca do paciente e, através de simulações realizadas em software especializado, são confeccionadas as placas necessárias para o alinhamento dentário.

esthetic_aligner

Agende a sua avaliação e venha conhecer nossas tecnologias!

ENDODONTIA (Canal)

Endodontia é a especialidade que se dedica ao tratamento endodôntico ou tratamento de canal, se caracteriza pela eliminação do tecido pulpar (nervo) de dentro do canal radicular e obturação deste espaço. Esse tecido pulpar é formado por vasos sanguíneos, vasos linfáticos e o tecido nervoso propriamente dito. Pode ser realizado em casos de traumatismos dentais, infecções ou por necessidades restauradoras. Tudo é feito rapidamente e sem dor, pode ser realizado em apenas uma consulta.
O tratamento endodôntico já foi motivo de muito medo, mas atualmente com técnicas modernas, novos aparelhos e tecnologias, se tornou uma intervenção simples.

 

CLÍNICA GERAL

Na Clínica geral são realizados procedimentos básicos como:

– Limpeza das arcadas
– Remoção de tártaro (supra gengival)
– Restaurações básicas (cáries pequenas as quais não necessitam de reconstrução dentária com pinos de fibra de vidro e/ou coroas totais.)
– Diagnóstico de patologias bucais
– Avaliação como um todo e encaminhamento para as especialidades necessárias.

CLAREAMENTOS

1º – Clareamento interno

Quando o dente sofreu um trauma, normalmente quando criança, e apresenta-se escurecido em relação a outros dentes. Isso ocorre devido a necrose do tecido pulpar (nervo) o qual teve sua irrigação sanguínea interrompida devido ao trauma (batida) que cortou o feixe vascular.
Pode acontecer essa alteração de cor devido a um tratamento endodôntico executado de forma incorreta, por exemplo, deixando material obturador numa região chamada câmara pulpar. Esse material irá provocar a pigmentação da dentina internamente e mudará a cor do dente.

clareamento-interno

2º – Clareamento externo

Feito quando os dentes estão escurecidos devido à idade ou mesmo à formação genética. O consumo frequente de certos alimentos como café, açafrão, açaí, coca-cola, dentre outros alimentos com corantes, também pode alterar a coloração dos dentes. O clareamento pode ser realizado no consultório, onde o efeito é conseguido de forma mais rápida. Existe também o caseiro – com moldeiras que o paciente usa em casa – , onde o resultado final é mais lento, porém com maior durabilidade. Pode-se também associar as duas técnicas, para que o efeito seja mais intenso e mais duradouro. O clareamento não enfraquece os dentes, pois trata-se de uma reação química entre o produto de a estrutura do dente que irá tornar-se mais clara (branca).

Obs: O Laser não clareia os dentes, ele apenas catalisa o processo da reação química. Hoje em dia existem muitos produtos clareadores os quais não necessitam mais do laser para acelerar o processo.

clareamento-dental

PRÓTESE

Atualmente existem excelentes materiais estéticos os quais conferem total resistência e aspecto natural ao dente.

Trabalhamos com próteses metal-free (livre de metal) em zircônia e porcelana que são confeccionadas em um laboratório de ponta localizado em São Paulo – SP. (www.laboratoriokim.com.br).

Não trabalhamos com metal nas peças, pois com o passar do tempo ocorre pigmentação gengival (escurecimento da gengiva) no contorno do dente devido a oxidação sofrida pela liga metálica no meio bucal.

IMPLANTES DENTÁRIOS

Os implantes são cilindros metálicos de titânio instalados nos ossos maxilares, com a função de substituir a raiz de um dente perdido. Após o período de osseointegração – período em que há formação de osso em torno do implante – as próteses sobre implante são instaladas, mimetizando a coroa de um dente natural.

IMAGES_0005782_1

TOXINA BOTULÍNICA E ÁCIDO HIALURÔNICO

Em 01/09/2016, o plenário do Conselho Federal de Odontologia autorizou os cirurgiões-dentistas a usarem a toxina botulínica, o popular botox, e os preenchedores faciais, como o ácido hialurônico, tanto para fins terapêuticos (como já era permitido desde 2011), como para fins estéticos em praticamente toda a face de seus pacientes. Os tratamentos com toxina botulínica e preenchedores faciais na odontologia abrangem: correção e prevenção de rugas na testa, glabela (meio das sobrancelhas) e canto dos olhos; aplicação no terço inferior da face, lábios, sulco nasogeniano (“bigode chinês) e mento; tratamento de disfunções têmporo-mandibulares e dores orofaciais de origem muscular; tratamento de cefaléia tensional de origem dentária; redução da carga oclusal em pacientes bruxistas; harmonização facial em casos de hipertrofia de masséter; tratamento de sorriso gengival e sorrisos assimétricos.

botox1 botox2